Todos sabemos que, no Brasil, a carga tributária sobre os produtos que consumimos é altíssima. Em alguns casos, mais da metade do valor final de um produto é fruto dos mais diversos impostos. Por isso, inúmeras pessoas trazem mercadorias do exterior, afinal é possível reduzir em grande parte o valor final do produto.

Porém, existem alguns cuidados ao importar produtos que devem ser tomados para evitar uma série de problemas. Quer saber quais? Continue a leitura e confira!

1. Escolha fornecedores que lhe deem segurança

As transações e compras feitas pela internet ganham cada vez mais espaço na economia mundial devido à sua praticidade. Contudo, comprar produtos sem poder olhar e sem conhecer quem está vendendo pode ser perigoso. Por isso, encontre fornecedores que lhe tragam segurança quanto à procedência do que está comprando e em relação à entrega do que foi adquirido.

EBOOK

COMO IMPORTAR PRODUTOS

EM 3 PASSOS SIMPLES

Descubra, em apenas 3 passos, como importar produtos dos Estados Unidos e economizar até 80% em relação aos preços no Brasil.

ebook grátis Como importar produtos em 3 passos simples

DOWNLOAD GRATUITO

Em grandes portais de compras, você sempre encontra milhares de fornecedores oferecendo o mesmo produto. Fique atento aos comentários e às recomendações sobre eles, para garantir que a sua compra chegue até você sem nenhuma dor de cabeça.

Inscreva-se agora e descubra os segredos de como lucrar comprando no exterior!

2. Procure as melhores formas de pagamento

Nesse tipo de comércio internacional, os pagamentos são feitos por meio de um cartão de crédito internacional. Evite fazer transações sem segurança mínima, pois aumentam — e muito — as chances de você levar um calote.

Outra vantagem de usar essa forma de pagamento é que também há a garantia de pagar o valor do dólar na cotação em que foi realizada a compra, o que diminui a possibilidade de receber a fatura e ser pego de surpresa com uma alta inesperada.

3. Compare os preços

A internet trouxe a facilidade de poder cotar o valor de um produto com milhares de fornecedores diferentes. Então, aproveite essa vantagem para conseguir encontrar o que busca pelo melhor preço.

Venha fazer parte do nosso grupo no Facebook e troque experiências com os colegas importadores: a união faz a força!

Procure fornecedores de diferentes regiões para mapear quais produtos estão nos preços mais acessíveis. Para compras de maior volume, veja se é possível obter um desconto ou alguma outra condição especial. Ao negociar, é possível diminuir consideravelmente o valor final da mercadoria e aumentar o seu lucro, no caso de revenda.

4. Calcule os custos com antecedência

Como mostramos acima, existem diversos fatores a serem levados em consideração no momento da escolha. Outro quesito com o qual você deve ficar atento é o cálculo dos custos finais do produto.

Um pequeno momento de desatenção na hora da compra e o valor final pode subir bastante, causando uma grande surpresa na hora de pagar a fatura. Por isso, fique atento às condições de sua compra, ao valor do câmbio e ao frete a serem pagos. Há uma grande variação da taxa de entrega de um produto entre fornecedores de lugares diferentes.

Compre online em lojas dos Estados Unidos e receba em sua casa.

Se quiser saber, antes mesmo de fazer a compra, o custo do frete de seu produto importado através do QueriaTanto.com, basta conferir nossa calculadora de frete. Assim você consegue calcular a sua margem de lucro na revenda dos produtos importados com antecedência.

Então, o artigo esclareceu sobre os cuidados ao importar produtos? Conte-nos suas dúvidas e experiências nos comentários! Vamos adorar saber!